Cinco dicas para realizar uma boa contratação de arquiteto

O objetivo e as etapas durante um projeto arquitetônico definem o perfil do profissional a ser escolhido.

Iniciar um projeto de construção de uma casa ou a reformulação dos ambientes exige o cuidado com a contratação de profissionais especializados. E há alguns passos a serem seguidos que permitem uma maior eficiência durante as obras para o resultado conforme o planejado.

Pensando nisso, o Mudei Meu Espaço separou algumas dicas para a contratação de arquitetos, e desde o início, quando a construção ainda está sendo pensada:

1) Planejar tudo

Antes de procurar um arquiteto é necessário responder a algumas questões, desde o objetivo da obra ou, se no caso de uma construção, qual o resultado esperado. Qual o tamanho e formato da casa? Como será a decoração interior? Quanto será possível gastar? Será feita uma reformulação completa do ambiente, ou será possível aproveitar parte da estrutura atual dos espaços? Depois de ter as respostas para perguntas como essas, o próximo passo é a procura de um arquiteto conforme o projeto.

arquitetura-mudei-meu-espaço

Imagem: SOS Vestibulando


2) A escolha do arquiteto conforme o projeto e o orçamento

De acordo com o planejamento de como será a construção ou a obra é possível escolher o arquiteto e já ter uma ideia dos valores previstos para o projeto. Isso porque para fazer o projeto há a cobrança pelo serviço do arquiteto, com o desenho das plantas e as encomendas a um engenheiro calculista com relação ao planejamento das estruturas. Além disso, o planejamento da obra e suas etapas, assim como o cronograma, estão sob a responsabilidade do arquiteto nesta fase inicial.

Há ainda arquitetos que trabalham como consultores, auxiliando em reformas ou projetos mais simples, em que não é necessário um projeto com detalhes técnicos. São mais raros os profissionais que atuam desta forma, e eles geralmente cobram valores aproximados de 1/3 do valor de um projeto completo.

arquitetos-mudei-meu-espaço

Imagem: Escola Educação


E também é possível a contratação de um profissional para o acompanhamento de uma obra, em uma espécie de fiscalização de cada etapa da reformulação ou construção. O arquiteto, neste caso, cobra por visita como hora técnica.

3) Onde encontrar profissionais

Além do famoso boca a boca, em que as referências e o trabalho do arquiteto são divulgados, encontrar o profissional ideal é possível através de pesquisa com os sindicatos e associações locais. No site do Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU-BR) é possível buscar os profissionais registrados na entidade de classe. Neste link  (https://servicos.caubr.gov.br/) , basta clicar em “Buscar profissional/empresa”.

4) Visitas

Mais do que apenas ouvir falar sobre o trabalho de um profissional, é importante conhecer seus projetos – até mesmo para que se tenha a certeza de que os projetos desenvolvidos estão de acordo com o objetivo da obra. Então, uma sugestão é conhecer o portfólio do arquiteto, visitar suas obras e construções, além de conversar pessoalmente desde o início sobre os detalhes. Vai ser possível, dessa forma, melhorar a visão que se tem das possibilidades a serem executadas no novo projeto arquitetônico.

carreira-arquiteto-como-escolher-mudei-meu-espaço

Imagem: Mundo Carreira


5) Economia

No momento de construir ou reformar, sempre são buscadas alternativas mais econômicas – seja em época de crise ou não. E devido a isso, a ideia de economizar inclusive na contratação da mão de obra pode ser cogitada. Entretanto os riscos com a contratação de um profissional que não seja um arquiteto, especializado e autorizado a executar diferentes projetos arquitetônicos, são bem maiores do que uma possível economia.

A contratação de um arquiteto – graduado, especializado – torna possível uma maior economia de recursos financeiros, além de garantir mais segurança. Isso porque o profissional pode orientar seus clientes para o projeto ideal, sem desperdício de materiais e tempo para a finalização do trabalho.

 

E então, mais alguma dica imprescindível para início de novos projetos arquitetônicos e para a escolha de um profissional qualificado? Conte suas experiências aqui no Blog!

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *